Espanhol Português Inglês
Novidade - Cotação Online
GUIA ONLINE
DE FORNECEDORES
Fabricantes Distribuidores Empresas
Busca Geral
Participe agora mesmo
CADASTRE-SE AGORA MESMO!


Voltar

Marfrig Global Foods Registra Receita Líquida de 5,1 Bilhões de Reais no Primeiro Trimestre De 2018 – Crescimento de 24%

Ebitda Ajustado Combinado da Companhia foi de 351 milhões de reais, alta de 5% em relação ao mesmo período do ano passado

Abates na Divisão Beef atingem 887 mil cabeças nos primeiros três meses de 2018 – expansão de 42%. Volume exportado de carne in natura cresceu quase 70%

Destaque do período foi o anúncio da aquisição de 51% da norte-americana National Beef, transformando a Marfrig Global Foods na segunda maior processadora de carne bovina do mundo, em termos de capacidade

A Marfrig Global Foods (B3:MRFG3 e ADR Nível 1: MRRTY), uma das maiores companhias globais de alimentos à base de proteína animal, apresentou hoje à Comissão de Valores Mobiliários (CVM) seu resultado fiscal referente ao primeiro trimestre de 2018.

A Companhia vive, hoje, um período de transição. Essa fase foi iniciada em abril, com o anúncio da aquisição de 51% da National Beef, quarta maior processadora de carne bovina dos Estados Unidos, e da intenção de venda da Keystone Foods, focada em alimentos processados para o segmento de foodservice. Com a concretização da compra da National Beef, a Marfrig Global Foods concentra-se em seu negócio de origem e passa a ser a segunda maior processadora de carne bovina o mundo, em capacidade de produção.

Em função desse cenário de transformação do negócio e da descontinuidade da divisão Keystone, os resultados do período são apresentados de forma combinada.

No primeiro trimestre do ano, os números registrados pela Marfrig Global Foods demonstram a expansão dos negócios, acompanhada de ações estratégicas para a garantia da disciplina financeira. A receita líquida combinada total atingiu 5,1 bilhões de reais, uma alta de 24% em relação ao mesmo período que o ano passado, reflexo sobretudo do aumento do volume produzido.

O Ebitda (lucro antes de juros, impostos, amortizações e depreciações) ajustado combinado foi de 351 milhões de reais, uma expansão de 5% na comparação com o 1T17. O lucro bruto – também combinado – chegou a 525 milhões de reais nos primeiros três meses do ano – elevação de 14%. O prejuízo líquido foi de 206 milhões de reais – 32 milhões de reais menor que o registrado no mesmo período do ano passado.

No 1T18, a alavancagem da Marfrig, medida pela relação dívida líquida e Ebitda Ajustado das operações continuadas, foi de 3,67 vezes.

A Companhia continuou a perseguir, neste início de exercício, a melhoria do perfil da dívida. Em janeiro, emitiu bônus no valor de 1 bilhão de dólares, com demanda quatro vezes superior à oferta inicial, taxa anual de 6,875% e vencimento em 2025. Os recursos obtidos com a emissão foram usados na recompra de notas sêniores com vencimento em 2018 e 2019.

A compra do controle da National Beef, o foco na produção de carne bovina e a redução da alavancagem fizeram com que, em abril, a agência de crédito S&P colocasse o rating corporativo da Marfrig em observação, com perspectiva positiva (positive credit watch).

Divisão Beef – Expansão e Destaque para as Exportações

A Divisão Beef registrou no 1T18 um abate total de 887 mil cabeças – expansão de 42% na comparação com os primeiros três meses de 2017.

Apesar do cenário doméstico desafiador – com a retomada do crescimento da economia mais lenta do que o esperado e o aumento da concorrência de outros tipos de proteína –, a divisão registrou uma receita líquida de 2,9 bilhões de reais no período, 44% acima na comparação com o ano passado. O destaque foram as vendas de carne in natura para o mercado internacional. Com um crescimento de 67% no volume, as exportações responderam por 54% das receitas da divisão.

O lucro bruto da Divisão Beef atingiu de 358 milhões de reais no primeiro trimestre, 97 milhões de reais superior ao registrado no mesmo período do ano anterior. A margem bruta foi de 12,1% e o Ebitda ajustado atingiu 191 milhões de reais, aumento de 30% no comparativo com o primeiro trimestre de 2017. A margem ficou em 6,5%.

Divisão Keystone – Venda Estratégica

Conforme anunciado em abril deste ano, a divisão Keystone foi colocada à venda. O processo segue dentro dos prazos e trâmites esperados.

Sobre a Marfrig Global Foods

A Marfrig Global Foods, uma das maiores companhias globais de proteína animal, é formada pelas divisões Beef e Keystone. No mundo, a companhia tem 50 unidades de produção, comerciais e de distribuição e está presente em 12 países. A divisão Beef é uma das maiores produtoras de carne bovina do mundo, a segunda maior operação de carne bovina no Brasil, a líder em processamento de bovinos no Uruguai e a maior importadora de carne do Chile, onde também tem abate de ovinos. Com 31 plantas no Brasil, no Uruguai e no Chile, a divisão Beef tem capacidade de processar até 4,7 milhões de cabeças de gado. A divisão Keystone é uma das empresas líderes globais na produção de alimentos processados de origem animal. A empresa opera 19 unidades produtivas nos Estados Unidos, na China, na Malásia, na Tailândia, na Coreia e na Austrália. Juntas, essas unidades totalizam um volume de vendas de cerca de 1 milhão toneladas de alimentos por ano. A Marfrig Global Foods está finalizando a transação para aquisição do controle da National Beef, a quarta maior processadora de carne bovina dos Estados Unidos. A companhia decidiu também vender a Keystone.

Sobre a divisão Keystone

A Keystone é uma das empresas líderes globais na produção de alimentos processados de origem animal e integra a Marfrig Global Foods, um dos maiores companhias globais de proteína animal. A empresa opera 19 unidades produtivas nos Estados Unidos, na China, na Malásia, na Tailândia, na Coreia e na Austrália. Juntas, essas unidades totalizam um volume de vendas de cerca de 1 milhão toneladas de alimentos por ano. A Keystone foi fundada em 1960 como um negócio familiar no estado norte-americano da Pensilvânia. A companhia ganhou escala ao investir em pesquisa e no desenvolvimento de produtos inovadores para a indústria alimentícia, como, por exemplo, a técnica de congelamento com criogenia, que prolonga o prazo de validade, pois mantém os nutrientes e a textura originais dos alimentos. Responsável pela criação dos nuggets de frango e dos filés moldados sem osso, formatos já difundidos em larga escala por restaurantes e linhas de pratos congelados, a divisão tornou-se fornecedora de algumas das maiores cadeias de fastfood do mundo.

Sobre a divisão Beef

A divisão Beef da Marfrig Global Foods é uma das maiores produtoras de carne bovina do mundo. Está dividida nas operações Brasil e Internacional. A operação no Brasil, é composta por 21 unidades e tem ampla expertise no segmento de foodservice e é pioneira na promoção e comercialização de carne bovina e de ovinos, enquanto a Beef Internacional, com 10 unidades, é a responsável pelas operações ativas no Uruguai e no Chile. A operação brasileira se destaca pelo volume e a Internacional oferece, especialmente no Uruguai, produtos diferenciados, de alto valor agregado, com acesso aos principais mercados importadores. O resultado é um portfólio complementar e altamente competitivo.




Envie uma notícia



Telefone:

+55 11 5524-6931

Fique conectado:

Curta nossa Fanpage:
facebook.com/AditivosIngredientes

© EDITORA INSUMOS LTDA.

Av. Sargento Geraldo Santana,
567 – 1º andar
CEP 04674-225
São Paulo, SP - Brasil

001