Guia 2021

Cadastre-se
anuncie
MENU
MÍDIA KIT 2021
Download
COTAÇÃO DE INGREDIENTES
GUIA DE FORNECEDORES
CADASTRE SUA EMPRESA - CLIQUE AQUI


Voltar

So Delicious, da Danone, lança queijo de origem vegetal

O queijo vegetal passou de uma pasta oleosa e de textura estranha para uma força no segmento. Os consumidores que desejam queijo sem lácteos agora têm uma escolha entre vários estilos de opções à base de plantas feitas por uma série de empresas. Os fabricantes estão produzindo queijos vegetais que podem ser fatiados, espalhados, derretidos e esticados, e que se parecem muito com seus equivalentes convencionais.

O desafio de hoje, é convencer os consumidores de que o queijo vegetal tem o sabor e o desempenho esperado. Considerando o passado confuso de alternativas de queijo à base de vegetais, é uma tarefa difícil. De acordo com estatísticas citadas pela Danone, mais da metade de todos os consumidores dos Estados Unidos estão tentando incorporar mais alimentos à base de plantas em suas dietas, mas apenas um em cada 10 consomem queijo sem lácteos. Na verdade, 22% dos consumidores de queijos sem lácteos em potencial não experimentaram o produto e presumem que não terá um gosto bom, segundo a empresa.

Assim, faz sentido que a So Delicious escolha o queijo como a próxima fronteira a ser conquistada. A marca, que existe desde 1987, conquistou consumidores com suas sobremesas congeladas à base de vegetais, bebidas alternativas lácteas e iogurtes por mais de três décadas. A antiga WhiteWave Foods comprou a So Delicious em 2014, a qual se tornou uma marca da Danone quando a gigante europeia de lácteos comprou a WhiteWave, em 2017.

A So Delicious é a mais nova participante no que está se tornando uma categoria lotada. Uma vez dominada por marcas robustas como Follow Your Heart, a categoria viu concorrentes mais recentes, incluindo Daiya, Kite Hill e Miyoko's Creamery se estabelecerem nesse mercado nos últimos anos.

Com a sua experiência em lácteos e alimentos à base de plantas, a Danone tem uma queda relativamente fácil na categoria de queijos. Embora a empresa tenha apenas uma outra marca de queijo, a Horizon Organic, conhece o mercado de laticínios e produtos alternativos melhor do que a maioria dos outros fabricantes. Em 2019, o ex-CEO da Danone North America, Mariano Lozano, disse que esse portfólio deu à Danone muitas "ferramentas e armas" para atrair mais consumidores e gerar crescimento nas áreas de tendência.

A empresa também iniciou seu caminho para queijos vegetais há anos. Seus planos de crescimento de longo prazo em 2018, incluíam triplicar as vendas de lácteos vegetais até 2025, passando de US$ 1,9 bilhão em 2018, para US$ 5,7 bilhões em 2025. O relatório de ganhos mais recente da Danone, publicado em outubro, não detalha as vendas vegetais versus laticínios tradicionais, mas diz que as marcas à base de plantas registraram crescimento global no trimestre.

Todas as novas opções e destaque de produtos lácteos à base de plantas provavelmente ajudarão todo o segmento a crescer em 2021. O peso e o reconhecimento do nome da marca So Delicious também deve gerar mais vendas. O maior desafio para o So Delicious pode ser convencer os consumidores de que o queijo vegetal é saboroso, e que a marca pode fazer jus ao seu nome.








Notícias relacionados



Envie uma notícia



Telefone:

11 3628-6931       11 99834-5079

Newsletter:

Fique conectado:

© EDITORA INSUMOS LTDA.

Av. Srg. Lourival Alves de Souza
130 - Conj. 113 - 1˚ Andar
04675-020 - Jardim Taquaral
São Paulo, SP - Brasil

001